quinta-feira, 17 de maio de 2018

PAYSANDU É BI-CAMPEÃO DA COPA VERDE



Paysandu empata e conquista o bicampeonato da Copa Verde
Com mais de 30 mil torcedores, o Paysandu conquistou o título de bicampeão da Copa Verde de forma invicta, ao empatar em 1 a 1 diante do Atlético-ES, no estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, em Belém, na noite desta quarta-feira (16). O título garantiu ao Paysandu, a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2019.
Com a Fiel formando um belo mosaico, a festa foi iniciada antes da bola rolar, porém com o apito do árbitro, o Paysandu encontrou na ansiedade, o seu maior adversário e com isso, as chances de gol foram poucas. A primeira boa oportunidade foi no chute de Victor Lindenbergh, que chutou em cima do goleiro Bambu.
Aos poucos, o time capixaba tocava a bola e chegou de forma objetiva a área bicolor: aos 39 minutos do primeiro tempo, Eraldo usou a cabeça e abriu o placar para o Atlético-ES.
Com o gol sofrido, os jogadores do Paysandu sentiram o peso da responsabilidade da final e foram para a etapa final mais objetivos. As mudanças processadas pelo técnico Dado Cavalcanti levaram o Papão ao ataque em busca do gol do alívio.
E ele saiu aos 27 minutos: Pedro Carmona recebeu no bico da grande área e tirou do goleiro para marcar um golaço, que explodiu a torcida bicolor no Mangueirão.
A partir daí, o Papão tocou a bola e esperou pelo apito do gaúcho Anderson Daronco. Depois disso, os jogadores do Paysandu festejaram com a torcida a conquista do bicampeonato da Copa Verde, depois de dois anos e de forma invicta, com uma campanha de seis vitórias e dois empates.
Agora, o Paysandu volta as atenções para a Série B e no sábado (19), o Lobo enfrenta o São Bento-SP, no estádio da Curuzu, em Belém. Texto reproduzido do Blog do Xarope

VÍDEO: Aparição de um jacaré no rio Tapajós assusta banhistas em Itaituba

Banhista afirma que jacaré visto no rio tem mais de três metros de comprimento. Possível jacaré visto no rio Tapajós. Enquanto ...