I

I

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

No PA, policiais civis são presos preventivamente suspeitos de crime de extorsão


Presídio Anastácio das Neves em Santa Izabel. — Foto: Tarso Sarraf/O Liberal

Um escrivão e um motorista policial foram levados para o presídio Anastácio das Neves, em Santa Izabel do Pará.
Foram presos preventivamente nesta quarta-feira (26) o escrivão Paulo Sérgio Frade de Araújo e o motorista policial Sérgio Rocha da Silva, suspeitos de crime de concussão, ou seja extorsão praticada por servidor público.

Os policiais foram levados para o Centro de Recuperação Coronel Anastácio das Neves, localizado em Santa Izabel do Pará. O G1 tenta contato com a defesa dos acusados.

Ambos tiveram afastamento cautelar de cargo e função pública, por determinação da Vara Criminal de Marituba. Além disso, tiveram as armas, tanto corporativa quanto partiular, recolhidas temporariamente, cumprindo decisão da Justiça.

Os mandados judiciais foram cumpridos pela Corregedoria Geral da Polícia Civil, por meio da Divisão de Crimes Funcionais (Decrif).

De acordo com a Polícia Civil, o processo criminal ainda tramita na Comarca de Marituba, na região metropolitana de Belém.

A Polícia Civil informou que as medidas visam a garantia do andamento das apurações para que se os suspeitos forem soltos não venham a continuar a praticar crimes de mesma natureza ou dificultar cumprimento de uma possível pena, criando obstáculos à produção de provas, como ocultação de documentos ou exercendo algum tipo de constrangimento em testemunhas ou vítimas.
Por G1 PA — Belém

Nenhum comentário:

Postar um comentário